De volta

Cheguei na Inglaterra ontem. Foram 22 dias maravilhosos no Brasil que passaram muito, mas muito rápido. Suficientes para eu fazer todo o meu check up médico, rever meus amigos, família e – principalmente – passar muito tempo com a minha mãezinha, minha irmã e meu cachorro lindo.
É muito difícil deixar o Brasil, desapegar, soltar a raíz. Eu sei que a minha vida agora é aqui e essa viagem me encheu de energia, de alma, de Brasilidade. Me fez resgatar uma Milena meio esquecida dentro de mim… Tanto que assim que eu cheguei, husbandinho disse que eu estava diferente, tinha “outra luz”. Essa outra luz é o que a minha nacionalidade grita… e não adianta, posso morar fora, posso fazer minha vida toda aqui, mas me nego a esquecer o Brasil, como muita gente faz.
Mas eu voltei de alma lavada, mesmo não tendo tido tempo pra praia… e o mar, foram só os pézinhos. Voltei com a cabeça mais aberta, o coração maior, menos angustiado… um maridinho me esperando cheio de amor e uma vida nova inteirinha pela frente.
Eu olho pra trás e vejo que tudo o que consegui hoje foi fruto do que eu quis pra mim, então que eu me queira coisas muito melhores! Que eu desenhe meu destino, do jeito que desenhei até aqui!!!! E o resto, o UNIVERSO conspira a favor.

Vou fazer um post em breve sobre o que sinto sobre a Brasilidade, sobre o que o Brasil é e o que o nosso povo transmite. Preciso dizer que quem é Brasileiro é abençoado, e nosso país é a coisa mais rica de alma que existe nesse mundo. Pode ter todos os defeitos, mas qual país que não tem?
Bom, volto pro Hotel amanhã, mas são só mais três semanas e me livrarei desse fardo, finalmente!
Por enquanto estou desfazendo minhas malas, ao som do cd da Roberta Sá. Quem gosta de um bom sambinha TEM QUE TER!!!!

Anúncios

6 comentários sobre “De volta

  1. ferrozindo disse:

    Sabe que eu me orgulho MUITO de a Rafa ser brasileira?!
    Eu simplesmente AMO o fato de ela ter nascido lá, ter passado um ano lá, ter vivido tudo de bom que o BR tem pra oferecer …
    não vou me extender pq esse assunto ainda é delicado ;o)
    beijos Mi e welcome back (e esteja em Londres da próxima fez, fazfavor!!!!)

  2. deianainglaterra disse:

    Adorei e me identifiquei muito com seu post!
    Lindas e totalmente verdadeiras as sua palavras. Dá pra sentir que vieram do coracao mesmo.
    To indo pra terrinha mes que vem, mas mal fui e já estou sentindo a dorzinha da volta…é sempre assim e eu que achava que isso melhorava, ou melhor, ficava menos pior com o tempo, ledo engano!
    Estou ansiosa para ler seus posts sobre “ser brasileiro é … ” 🙂
    Beijinhos!

  3. Silvia disse:

    Hallo… Até me emocionei agora… dois meses atrás tambem estive no Brasil 20 dias, sem marido, somente p curtir familia… e o que eu senti foi exatamente o mesmo. É inacreditável como sou outra pessoa lá, melhor “sou eu mesma” lá!!! É uma energia tao boa… Eu sou feliz na Holanda, sao 3 anos de muita luta e muitas conquistas e muito amor e amizade dedicados e recebidos ao/do meu escolhido, massssssss meu coracao está lá! A gente se acostuma aqui, uns mais, outros menos, mas se acostuma! Mas eu realmente tenho q me concentrar p ser a mesma pessoa sorridente e alegre como eu sou lá! Aqui me sinto mais acanhada, com mais limites… estranho. Acho q vou seguir seu exemplo e ouvir mais musiquinha brasileira, tomar mais caipinha, hehehe
    Um abraco,
    Silvia, Alkmaar, Holanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s