Coisas que eu descobri nessa Copa

Anúncios

Frames

– Eu te vi em Lisboa, olhando o mar.
– Eu te vi em Porto Alegre, tocando baixo numa banda.
– Eu te vi em outros lugares também, mas não me lembro.

– Eu te vejo em todos os lugares.

***


O que crava no coração,  pulsa na mente.

Coisa de amiga

Daí que a Verônica me liga no meio do jogo do Japão contra a Dinamarca.

– Meu, que Copa é essa?
– Ninguém acordou a gente ainda, é só um sonho, Vê. Calma.
– Japão, dois gols.
– Itália eliminada pela ES-LO-VÁ-QUI-A.
– Meu, eu nem seeeei onde que é a Eslovááááquia!
(Eu em gargalhadas, já)
– É na Europa do Leste, Vê.
– É perto da República Tcheca?
– Verônicaaa, hello! Tcheco-Eslováquia????
– Ah, eu devia tá fora da escola nesse dia.

HAHAHA.

Daí eu falo:
– Boa viagem pro Rio nesse fim de semana.
Ela responde:
– Bom verão.

Oi???

Ai, como eu amo essa minha amiga que me liga do Brasil só pra falar da Copa…

O poço

Ela conhece a tua armadilha. Ela sabe muito bem onde é o poço, conhece o caminho, como chegar até ele, sabe como é por dentro. E ela cai, ela cai fácil, porque você sabe fazer. E ela espera a corda, dia após dia, e você a tira daquele poço como um herói que tira as dores do mundo, e ela volta e cai, e é todo dia assim. E ela sabe que um dia você não vai jogar a corda, ela sabe, porque sempre acontece. E um dia você para na beira do poço e não joga a corda, e ela tenta entender, e ela tenta sair, e chega ao ponto de dizer foda-se, foda-se tudo mil vezes, e sai sozinha do poço e você volta lindo, com a corda, mas ela já está fora dizendo foda-se com muita falta de amor-próprio. Só que você tá lá segurando a corda, lindo, e lá vai ela, olha lá. Lá vai ela caminhando sozinha pro poço.

Papo estranho, com personagem esquisita

Enquanto isso, na BBC, um desses programas de vida animal mostrando a evolução de um inseto.

Eu: – Que que é esse treco saindo do casulo, babe? É uma mariposa?
Ele: – Não.
(Ele continua quieto)
Os bichos saem do casulo e eu acho que sei o que é.
Eu: Ah, é cigarra, como é que fala isso em inglês?
Ele: Não sei, não consegui decifrar o bicho ainda.
Eu: Aquele, babe, que canta!
(Mudo)
Eu continuo: Aquele que tem a estória com a formiga, a fábula, a formiga lá, tadinha, trabalha o dia inteiro e esse bicho fica lá numa boa, cantando!!
Ele: Que formiga???
Eu: A que trabalha o dia inteiro!!!!
Ele: Não sei quem é essa formiga. Ela trabalha onde?

Hahahaha. Por isso que a gente não consegue conversar sério.

Papo de gringo

EU: – Babe, I´m going to the gym.

ELE: – Contanto que não seja no Edward…

Goiaba bichada

Então assim, ó. A goiabeira (entenda por: loja-que-eu-trabalho) tava com 3 pessoas. É, eu não esqueci o zero ou o um não. Três mesmo. Em varejo. Sete dias por semana.
O que antes era o antro de nove vendedoras malucas, virou um sub-antro de uma gerente, subgerente (YO) e uma vendedora. Tipo, vendedora pra gente dar ordem que é bom, niente. Daí que ontem eu tive a notícia FELIZ de que a minha gerente ia pedir demissão. Pensei, beleza, um mês de aviso prévio, patati patatá.
E se vocês acham que eu tava feliz com isso, esqueçam. Eu não quero NUNCA ser gerente dessa goiabeira bichada. O salário é pior que de vendedor em outras lojas, não ganha comissão e tem que aturar Israel no cucuruco. É, olha, eu tenho um milhão de amigos judeus, minha bisavó era judia, mas te contar… trabalhar com judeu Israelense, cuidando do lojinha, nunca mais. Povo doido, meu. E eu que não serei gerente pra aturar Israel me ligando porque tá vendo alguém bocejar pela camera (é, tem uma camera na minha cabeça. e é, eles ligam pra mandar a gente descruzar o braço).
Daí que o aviso prévio e patati patatá, né! Pois então. Hoje acordei com aquela sensação de que tava indo pra forca, ao invés do trabalho. Pra que… antes mesmo de sair, minha gerente me ligou. “Milena, só queria te avisar que tô saindo hoje”. Eu só pensei 324 vezes em WHATHEFUCK? E achei que ela fosse ficar lá por hoje, mas que nada, já me ligou da rua. Disse que a gerente regional falou que o CEO disse que ela podia ir embora hoje, que pagariam o salário dela de 1 mês adiantado. Cuméqueé, camarada? Não disse que esse povo é LOUCO? Como assim, mandar embora e deixar DUAS pessoas pra cobrirem 12 horas de turno, 7 vezes por semana?
Já cheguei na loja deprimida (entenda por: puta-da-vida). Já disse que não quero ser gerente, que não é interessante pra mim e que tô procurando outro emprego a partir de A-G-O-R-A (mentira, desde a semana passada).
Mas, lembra que eu tinha a sensação de FORCA, e não de depressão?? Pois bem. A minha vendedora chegou dizendo que arrumou outro emprego.

(Pausa pra choro profundo)

Pensa, gente, calcula: 3 – 2 = ?? Pensa de novo!!!! TRÊS MENOS DOIS IGUAL A??? Eu. Pois é. Eu tô com instinto Forest Gump. Algo no fundo do meu cerebelo só grita RUUUUN, MILENA, RUUUUUN!

Inspira

Pára um minuto
Escuta o vento da minha boca soprar no teu pescoço

Olha um minuto
Divaga na minha alma,  lá no fundo do fundo do meu poço

Beija um minuto
E desvenda o que tem de mais bonito por dentro de mim

Abraça um minuto
E te prometo devagarinho algumas noites sem fim.

***

Agora vem.
Me respira.
Me transpira.
Me inspira.
E vem.

***

E morde devagar o meu sorriso.