A professorinha

Ok, vai chover pedra aqui, mas que se dane.
Tava lendo as notícias no Globo.com e dei de cara com esta aqui. Um professora baiana, formada e pós graduada em pedagogia, de 28 anos, saiu na balada, rebolou no palco de fio dental e foi demitida.
Gente, o que tá acontecendo com o mundo? Você acha que ela tá errada?  Porque? Porque rebolou ao som de uma “música” cujo refrão é “todo enfiado”. Vá lá no Youtube assistir.
Eu não entendo o que esse povo pensa. Será que eles acham que professora é virgem, nunca fez sexo na vida, não tem tara, fetiche, fantasia sexual – não sabe rebolar? Só porque é professora e vive rodeada de criança? E criança nasce como, hein?
A mulher saiu à noite, numa balada qualquer sem NENHUMA criança, fez o que gosta de fazer, se divertiu. Não insultou ninguém, não mandou cópia do filme de lição de casa e aposto que não rebola na sala de aula. Qual é o problema, meu Deus? Xuxa tem programa infantil desde que me conheço por gente. Carla Perez tem bloco de carnaval pra criança. Qual o mal dessa mulher dançar numa boate fora da sala de aula? As pessoas têm vida própria, existe vida fora do ambiente de trabalho!
Fico passada com essas coisas. Tá cheio de pedófilo no mundo, deixa a menina rebolar.

E antes que comentem, sim, tá no YouTube, o Joãozinho pode ver. Pois eu diria pra mãe do Joãzinho passar um belo filtro pra menores no computador porque tá cheio de MERDA na internet, não só no Youtube.

Anúncios

Um comentário sobre “A professorinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s