Mantras de número dois

Hoje eu fui no banheiro do hotel, eu uso o do lobby mesmo, o feminino tem quatro toilettes. Enfim, fui fazer um xixi básico e uma das portas de um dos toilettes estava fechada. Quando me dei conta, comecei a ouvir um mantra bem baixinho vindo do banheiro fechado e fiquei encafifada. Parei na frente da porta e a mulher continuava a entonar algo que eu não consegui entender, mas era a mesma palavra, bem baixo, com uma frequência quase satânica.
Pensei tanta coisa. A primeira coisa que veio na minha cabeça foi que talvez tivesse uma criança com ela e e ela estivesse “chamando” o número um, dois, sei lá. Mas não ouvi um “a” de criança. Comecei a achar que a mulher tava num momento macumba e achei melhor fazer o meu xixi rapidinho antes que a luz começasse a piscar ou ela soltasse uma gargalhada de bruxa.
Enfim, entrei e saí do banheiro com o mesmo mantra da mulher vindo da porta fechada… sei lá, vai entender. Cada um com as suas loucuras pra fazer o número dois descer mais rápido…

Anúncios

Um comentário sobre “Mantras de número dois

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s