Considerações sobre a Inglaterra…

Especial para quem mora desses lados da Terra, ou para quem quiser se inteirar com a vida por aqui…

Você percebe que está definitivamente morando na Inglaterra quando:

– Coloca vinagre na batata frita;
– Sabe que crisps, chips e fries são coisas completamente diferentes;
– Não reclama mais do tempo;
– Conhece programas como Blackadder, Fawlty Towers e Red Dwarf… e morre de rir com eles;
– Já comeu sheppard´s pie ou cottage pie;
– Entende perfeitamente o humor britânico, acha fantástico e engraçadíssimo;
– Acompanha Eastenders, Hollywoaks ou Coronation Street, ou pelo menos sabe o que são;
– Talvez não saiba o nome da linha do metrô de Londres, mas sabe chegar lá direitinho sem olhar no mapa;
– Vai aos festivais;
– Faz picnic quando chega o verão e toma sol no parque (de roupa);
– Anda na neve de guarda-chuva;
– Assiste a Britain´s got talent e Xfactor;
– Não fala com os seus vizinhos, ou melhor, nem sabe quem são;
– Não dá mais bom dia na rua;
– Controla melhor os sorrisos para “estranhos”;
– Já entende inglês com sotaque “asian”;
– Sabe onde é a Poundland e a 99p store;
– Come weetabix, shreddies ou porridge;
– Compra crisps salt and vinegar;
– Sente falta de banheira quando não tem, mesmo se você nunca teve uma no Brasil;
– Pode odiar (como eu), mas sabe o que é salad cream e marmite;
– Continua não vendo sentido nas propagandas;
– Come um roast dinner aos domingos de vez em quando;
– Não cumprimenta mais ninguém com beijo, no mááááximo um aperto de mão e olhe lá…
– Usa mais sua  bicicleta do que quando era criança;
– Adora yorkshire pudding;
– Não se incomoda mais com as crianças vestidas de gravata e sapatos para a escola;
– Não se choca com o “crime da semana “, geralmente psyco e assustador;
– Assiste Street Wars e conhece os policiais da sua cidade (os meus são Pat e Carl);
– Já se acostumou com as teias de aranha nas janelas, corvos e megpies;
– Tem cheddar na geladeira;
– Não tira mais fotos de patos;
– Sonha em inglês;
– Toma “tea” no tea break do trabalho, ou na escola. E com leite.
– Toma suco de laranja Tropicana e acha ótimo;
– Faz natação em piscina pública ou frequenta a academia da prefeitura;
– Põe a “kettle on” quando chega alguém em casa (chaleira elétrica);
– Um fry-up já não é mais coisa de outro mundo;
– Já não se espanta com as crianças na coleira;
– Não gasta mais dinheiro na Primark;
– Marca encontros na Starbucks e nos pubs;
– Diz palavras como “fab” e “fantastic”;
– Chama alguém de mate e diz cheers ao invés de obrigado;
– Fala “ta-da” ou “toodieloo” ao invés de tchau;
– Não pega fila no cinema;
– Não pensa mais antes de atravessar a rua, ou não olha mais para os “look left” e “look right”;
– Convive bem com os poloneses, mas reclama dos “asians”.
– Compra feijão enlatado;
– Entende sotaques de Liverpool, Manchester, Escócia e Irlanda;
– Passa maquiagem de manhã cedo;
– Vai em praia de pedra;
– Anda de trem;
– Half a pint não faz mais efeito;

… to be continued…

Anúncios

3 comentários sobre “Considerações sobre a Inglaterra…

  1. Daniela Gomes disse:

    Eu não moro na Inglaterra, mas sabe que voltei de Londres com mania de chá com leite? Todo mundo aqui em casa achando muito estranho rs Mas eu gosto. O que é Laranja Tropicana? Se for aquela vermelha por dentro eu também gosto, viciei na viagem a Itália, ai que saudade. Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s