Mundo cruel

Sabe, aqui desse lado do mundo as pessoas tem uma ideia vaga sobre o Brasil. E uma das mais contantes eh, claro, a violencia. Eh obvio que eu concordo com o fato do Brasil ser um pais violento, mas acho puro cinismo quando os europeus focalizam isso como um dos grandes atributos do Brasil. Tambem nao da para culpa-los integralmente. Esses dias fui numa loja de dvds comprar alguns e os unicos brasileiros existentes eram “Cidade de Deus”, “Cidade dos Homens” e “Carandiru”. Eh por isso que, mesmo achando esses filmes incriveis, eu nao aprovo o tipo de imagem divulgada do nosso pais para o resto do mundo.
E infelizmente eh essa a imagem que eles tem. Os europeus quase nao sabem sobre o Brasil, mas tenho certeza de que sabem um pouco mais do que americanos. Mas nao sabem muito. Ja escutei perguntas sobre o que acontecia no meio das florestas do Brasil, porque a maioria acha que cidades sao soh Sao Paulo, Rio de Janeiro, Brasilia e Minas Gerais. Obvio, gente que nunca foi ao Brasil. Eles acham que o resto eh floresta. Que a Amazonia se estende sobre Fortaleza, Recife, Salvador, Porto Alegre… eh de dar enjoo. Eu ja tive que abrir o Google e mostrar Sao Paulo para algumas pessoas, e adoro a cara deles de idiota quando veem uma selva de pedra… e acho que eh soh aih que amo Sao Paulo por ser uma selva infinita de predios! Esses dias me perguntaram se no Brasil a gente ouve musica pop, em ingles, ou soh fado e samba. Fado?????? Bom, pelo menos eles sabem que fomos colonizados por Portugal….
Mas nao era isso que eu queria falar… queria comentar sobre crimes. Eu sempre falo aqui que sim, o Brasil eh violento. E a violencia do Brasil eh completamente diferente da violencia da Europa. Eu nao sei dizer qual eu acho menos assustadora, mas posso garantir que a daqui me assusta, e muito. A nossa violencia, brasileira, eu comparo como uma panela no fogo em constante ebulicao… Ela esta ali, do seu lado, acontece todos os dias, em qualquer esquina. Assaltos, roubos, sequestros relampago, tiroteios, crime organizado – acima de tudo. A violencia europeia eh diferente. Eh cercada dos famosos serial-killers e psychos que a gente ve nos filmes. Quando acontece alguma coisa aqui eh extremamente chocante e assustador.
Por exemplo, ha um tempo um cara foi preso por ter estuprado uma menina morta. Sim, a menina estava morta, o cara foi la e estuprou o corpo. Outro dia um cara foi esfaqueado por dois adolescentes que jogaram um objeto no carro dele. Ele reclamou, e os meninos o esfaquearam. Uma vez, da outra vez que eu estava aqui, uma mulher estava chegando em casa com seu bebe no carrinho. Parou o carrinho e abriu a porta de casa, quando virou pra pegar o carrinho, um homem estava segurando seu bebe de dois anos com uma faca no pescoco dele. O cara simplesmente soltou o nene e esfaqueou a mulher, que acabou paralitica. Ha um ano mais ou menos, um cara saiu da prisao de Manchester e entrou em um onibus em Londres. Um casal sentou na sua frente e ele comecou a jogar batata frita na menina. O menino se irritou e levantou pra falar com ele… o cara levantou tambem e esfaqueou o menino ateh a morte. Eh esse o tipo de violencia que acontece aqui… como a que esta nos jornais essa semana, o pai austriaco que prendeu a filha por 24 anos no porao, abusou sexualmente dela desde os 11 anos e teve 7 filhos com ela. E pior, pegou tres deles pra viver com ele e com a mulher, dizendo que haviam sido abandonados. Enquanto os outros permaneceram a vida toda num porao sem janelas e sem meio de sair.
E quando eu digo que as coisas aqui sao mais assustadoras eh por isso. Os crimes aqui parecem ser muito aleatorios e extremamente violentos. O tipo de crime que a gente ve nos filmes, elaborados, doentis, mentalmente perturbados…

Anúncios

3 comentários sobre “Mundo cruel

  1. Liss disse:

    Alis é costume jogarem batatas fritas nas pessoas por ai? Algum tipo de despreso por elas?
    é uma pena que não jogaram as com vinagre em mim….

  2. Laura disse:

    Lendo o seu post me passou um filme pela cabeça sabe, pois quando morava no Brasil eu saia da escola 22:40, caminhava em torno de 30 a 35 minutos ate chegar em casa. Ruas escuras, sem movimento, bairro considerado perigoso.. e nunca tive medo. aqui eu vivo com o coraçao na mao, tenho medo de ficar sozinha, de sair sozinha na rua…… ate hj nao havia conseguido identificar o motivo, mas seu texto me fez entender o pq de tanto panico.

    Bjos e coragem aqui do outro lado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s