Esquece

Tanta coisa pra (re)dizer, (re)escrever, (des)entender,verbo abafado, sem voz.
Um milhão de dedos, medos, um excesso
(e também uma grandessíssima falta)
de nós.

É que nas noites eu amanheço 
poça lúdica em travesseiros. 

Deixa o dia esfriar a água salgada que escorre do lado esquerdo. 
Esqueço.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s