Sorriso morno

É que você me faz um bem que nem imagina. Quando sussurra essa voz gostosa no meu ouvido e beija meu sorriso, morno, recém-nascido. Cuida de mim mais um pouquinho, enquanto deito a cabeça no teu ombro e sonho um mundo colorido, onde todas as palavras são músicas saídas da tua boca. Você é um universo paralelo, arco-íris no meio da tempestade. Você me leva de volta ao meu lado indolor, ingênuo, quase infantil. Assopra onde dói e me cuida, meu sorriso morno. Você me faz um bem que nem imagina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s