Era domingo

E começou caindo o mundo. Acordei no meio do noite com o barulho de quase uma “águas de Março” Brasileira.
Saí de casa às 10:30, totalmente do contra, pra ir trabalhar. Pensar em me jogar na chuva e no vento, caminhar vinte minutos e ficar seis horas de um domingo chuvoso em pé estavam me desanimando e muito.
Logo que saí senti que o que eu via pela janela era muito pior na vida real!! O vento era o tal do mini furacão que ninguém assume!! Vinha de todos os lados. E vento e chuva na Inglaterra não combinam, você tem a nítida sensação de que chove de baixo. Pode sair com um guarda-sol e chegará no destino ensopado. Pior que isso é ficar usando o guarda-chuva de escudo, né… a água aqui é tão sem noção que você faz golpes de artes marciais com ele! Na frente, e não em cima da tua cabeça, é uma posição muito comum.
Eu coloquei meu casaco e botas a prova d´água, que são de inverno e me cozinharam viva, mas o resto exposto continuou molhado. O vento era tão sem noção que fez um penteado moderno no meu cabelo, que estava todo preso!!! Meu guarda-chuva se concentrou em movimentos de plié e relevé, abria e fechava, enquanto eu rezava pra ele não morrer no meio do caminho. A burra aqui ainda foi de bolsa de tweed, que chegou pingando na loja.
Como se não bastasse a caminhada debaixo de tudo isso, lembre-se que aqui é Outono!! Ahaaaaa! O manto de folhas secas no chão vira o que??? Sa-bão. Folhas molhadas e pisadas, amigo, é que nem black ice. Piscou, dá um “who´s bad” no meio da avenida.
Então a cena era a seguinte. Encapotada, morrendo de calor,  cabelo preso com penteado a la Cindy Lauper (crédito total do mini-furacão), guarda-chuva fazendo ballet com o vento, e sem piscar pra não levar um chão bonito.
Como estória pouca é bobagem, cheguei na loja e ela estava virada do avesso. Olhei e achei que tínhamos sido roubados, todas as jóias misturadas, derrubadas, como se alguém tivesse virado a mesa num momento-ebolição. Eu só sabia que tínhamos tido manutenção à noite, mas não dava pra acreditar que alguém da própria rede faria algo do gênero. Além disso, não dava pra saber se tava faltando alguma coisa, afinal, tudo estava emaranhado. E vocês não sabem o trabalho que dá arrumar e esticar colarzinho de um cabinete só, imaginem de oito!!!!! Passamos horas, eu e a Katie, fazendo trabalho de uma semana toda.
E não acabou!!! Os energúmenos que foram lá de noite deram pau na eletricidade. Nada funcionava, computador, PDQ, luz, telefone. Ficamos 2 horas sem eletricidade, sem poder vender. Depois de toda a loucura pra chegar na bagaça e encontrar aquilo daquele jeito, só uma noite gostosinha mesmo.

PS: É muito louco assistir à previsão do tempo na TV aqui… É nítido e óbvio que tem um furacão em cima da Escócia e eles só falam em “mild winds”. Dá pra ver o furacãozinho rodando no radar… dá pra sentir na pele e no cabelo… povinho mais esquisito!

Anúncios

2 comentários sobre “Era domingo

  1. Fernanda disse:

    Eu não vou nem ficar falando que aqui ainda não tá chovendo muito que é para o sol não sumir de vez.
    Mas cara, eu tenho muita sorte com a Inglaterra … todas as vezes que eu fui aí fez tempinho bom.
    Tá que eu só fui três vezes, mas eu bem fui no meio do inverno e fez sol, enquanto a Bélgica já nem lembrava mais que cor é azul-da-cor-céu.

  2. Ana Giesbrecht disse:

    A Veronica já havia me dito, tempos atras, que vc escreve muito bem e de forma divertida. Não é que é verdade! Vc conseguiu transformar um dia ruim para vc em (sorry) risada para nós… Eu já havia esquecido do “sabão” que fica o chão com as folhas molhadas. E não precisa chuva não, basta o orvalho da noite em um lugar que o sol não bate… Já voei feio!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s