DNA inocenta acusado de estupro preso há 27 anos

” Um americano acusado de estupro foi libertado após 27 anos de prisão depois que um exame de DNA provou sua inocência. Charles Chatman, 47 anos, que sempre afirmou ser inocente, foi solto na última quinta-feira, no Texas (EUA).

Chatman foi preso aos 20 anos acusado de estuprar uma mulher da mesma idade que morava próximo de sua casa, mas que ele afirmava não conhecer. A jovem o reconheceu no tribunal e testes mostraram que o sangue recolhido no local do crime era do mesmo tipo que o seu.

O acusado afirmou que estava trabalhando na hora do estupro, mas seu álibi não foi aceito e ele foi condenado a 99 anos de prisão em 1981. “Eu fui condenado porque sou um homem negro acusado de cometer um crime contra uma mulher branca”, disse.

Chatman contou com a interferência da ONG Innocence Project, que já libertou mais de 30 inocentes condenados, desde 2001. De todos eles, o americano foi o que permaneceu mais tempo detido injustamente.

Os exames de DNA têm sido os maiores responsáveis por provar a inocência de presos. Só no Estado do Texas, 15 detentos já deixaram as prisões graças a eles. Chatman planeja agora trabalhar na ONG, auxiliando na libertação de outros condenados injustamente. “

 Fonte: Terra

Eu fico arrasada com essas coisas. Por essas e outras é que sou contra a pena de morte, porque nesse mundo ainda há muita hipocrisia, ignorância e indiferença e, principalmente, muita arrogância – que é o que faz as pessoas acreditarem em crimes sem prova. Quem é que pode devolver 27 anos de vida para esse homem? É simplesmente a minha vida inteira.

Alguém aí já assistiu “A vida de David Gale”?

Anúncios

5 comentários sobre “DNA inocenta acusado de estupro preso há 27 anos

  1. Marilac disse:

    Oii,Mi
    Pois é um absurdo mesmo! Por essas e outras é que também sou contra a pena de morte!
    Eu já assisti ao filme ” A vida de David Gale”, intenso e mostra bem como um tribunal comete falhas, e como provas podem ser fabricadas intencionalmente e assim um inocente é condenado.Li um texto de Rubem Alves que toca nesse ponto dos mecanismos da Lei e como um advogado pode ou não ajudar a fazer justiça
    bjs
    Marilac

  2. Fee disse:

    Eu não sumi viu?! Eu continuo vindo aqui, só não encontro muito tempo para comentar … mas para isso existem as viroses que fazem a gente ficar em casa por uma semana de castigo e com tempo o suficiente para mandar um OI para quem a gente mais gosta!!
    Depois me manda novidades … ;o)
    Beijo Mi!

  3. Prisca disse:

    Oi Mi! Meu, que hostoria horrivel, coitado desse homem! Também não acho que a pena de morte seja aceitavel, pois ninguém tem direito de tirar a vida de ninguém, principalmente quando a pessoa é inocente. E o pior é que, além da impossibilidade de devolver a ela os anos perdidos, com certeza não haverá indenização alguma. Simplesmente vão pedir desculpas (e isso se pedirem, né?) e pronto, a vida continua. Eh inacreditavel como a vida de uma pessoa é tratada de maneira tão leviana. Mas uma coisa eu acho, as pessoas que fizeram isso com ele (a acusadora, o real ciminoso, e todos os que julgaram esse inocente como culpado, vão pagar pelo que fizeram, mesmo que seja lah no outro mundo. Todo mundo tem o direito de errar, mas um erro desses não pode ficar impune, e como dizem, a justiça divina tarda mas não falha.
    Eu assisti esse filme do David Gale, mas minha mémoria é péssima, eu sou capaz de não lembrar mais do filme que vi ontem… um transplante de cérebro resolveria o problema hehe
    Mi, dah noticias, guria! Quero saber quando vamos tomar um café lah na Torre!
    Beijoconas!!

  4. Dayanne disse:

    Deixo aqui minha indignação com a “JUSTIÇA” que hoje pude ver de perto com um familiar a incompêtencia total do ministério publico, de um juiz e advogados, que são totalmente despreparados. O que sera dos inocentes se depender do nosso sistema, que chance terão se é seguido o que um promotor ou outro “ACHA” ou pega pra CRISTO pra dizer que são competentes e resolve problemas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s