Ela tinha mania

Ela tinha mania de idealizar. Mas pior do que isso era sua imaginação, isso sim a levava para um abismo que não existe. Era como estar sob efeito de ópio, e talvez seja essa a sensação que a faz viciar em tudo o que idealiza e imagina.  Lá dentro,  todo mundo queria o que ela quisesse que quisessem.
O problema é que o que pulsava o sangue acontecia dentro da cabeça dela. A vida era dentro da cabeça dela. Você era dentro da cabeça dela.
E ela tem saudade do que nunca aconteceu, só que não sabe muito bem o que fazer com saudades.

Anúncios

2 comentários sobre “Ela tinha mania

  1. Taty disse:

    Somos eternos aprendizes, não é, querida?

    Acho que temos dificuldade em entender o porquê de tantas saudades… até das coisas que nunca vimos ou nem conhecemos direito!

    E as ilusões, mesmo que um dia precisem tomar outros rumos, sempre nos deixam algum aprendizado positivo!

    Beijos, amo demais tudo o que você escreve… você me ensina algo novo todos os dias! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s