E os meus ídolos estão morrendo…

Chega uma hora na vida da gente em que as nossas amigas começam a namorar sério. Até aí, tudo bem, a gente não queria namorar sério mesmo…
Passa um tempo e a fulana fica noiva, parabéns! que máximo! não é meio cedo? Passa outro tempo e a ciclana fica noiva. Quando a gente se dá conta, nossas amigas estão casando. Que lindo, dá-lhe presentes (impressionante como todo mundo casa ao mesmo tempo). Mas ah, ainda dá tempo da gente casar, vai… que eu conheça o homem da minha vida aos 23, namore por um ano e meio, 24 e meio, fique noiva por um ano, 25 e meio. 26 eu tô casando, beleza!
Aí suas amigas começam a ter filhos. O bicho pega. Uma daqui, outra de lá, aquela lá tá grávida, o menino da outra já tem quatro anos, já se passaram dois anos e eu ainda não conheci o homem da minha vida. E agora?
E agora, amiga, é o choque da realidade. Vão se reunir em casalzinho, programa de casados, festinhas de filhos e por aí vai. Nessa você já tem uns 28, solteira, saindo na balada com as amigas da sua irmã mais nova e algumas pingadas que ainda não casaram… mas “há a vida, que é pra ser intensamente vivida”! Então você se joga e quebra tudo! (Dou o maior apoio…)
Aí você começa a reparar que os “galãs” da tua adolescência envelhecerem… Tom Cruise virou um doido que come placenta, John Travolta virou um bolo fofo, George Clooney tá mais pra tua mãe, Harrison Ford não tem mais o fôlego do Indiana. Richard Gere é um senhorzinho muito gato.
Aí chega o dia em que morre Michael Jackson. Surreal. Tão surreal que nunca passou pela tua cabeça a possibilidade de Michael ser mortal. No outro dia morre Patrick Swayze. Como assim, você ainda não dançou “Time of my life” com ele! Ainda não comprou aquele vestido rodado pra pular no colo dele! Mas a coreografia você já sabe…
E tudo o que eu consigo lembrar nesse instante é da minha mãe comentando no passado “meu Deus, como ele tá velho…”, vendo algum “galã” dela na TV. E eu que achava engraçado ela dizer isso, porque nunca que imaginaria meus ídolos velhos na ingênua sabedoria dos meus dez anos. Pra mim, esse povo não envelheceria nunca e eu nunca assistiria uma notícia dessas na Tv…
Na minha vida tudo começou com River Phoenix, em 93. O jovem Indiana Jones. Nunca gostei do Kurt Cobain, mas também foi estranho ver a nptícia na MTV. Depois o grande choque do Super Homem. O Super Homem morreu!!! Christopher Reeve morreu!
Brad Pitt, Jon Bon Jovi, Bono Vox, por favor não morram. Didi, por favor não morra. Eu jurava que meu mundo mudaria no dia em que o Didi morresse…
O único com quem eu não preciso me preocupar é o Roberto Carlos, porque sempre vai ter especial na Globo no final do ano. Especial 10 anos da morte de Roberto Carlos. O especial não pode morrer nunca.

É… la vecchiaia è bruta, né vô? (Vovô também já morreu…)

* Eu tenho só 29 anos, tá!! Alguns fiozinhos extra-loiros nos cabelos, mas só 29! E as minhas crônicas costumam ser exacerbadas meeeeeeesmo!!!!

Anúncios

8 comentários sobre “E os meus ídolos estão morrendo…

  1. ligia disse:

    Miiiiiiii!
    Eu to com a mesma sensação que vc… é muita informação, né!
    Estava pensando nisso ontem…. quando vi que ele faleceu…. e outro dia tb…. quando vi a Joana Prado na Caras com 3 filhos!!! TRÊS. Até ontem ela era a Feiticeira do H… meeeu!
    Aaaaaave Jesus!!!
    Falando em Jesus, a Madonna tá cinquentona e pegando garotão.
    A Malhação fazendo 15 anos (tem noção?)!
    O Di Caprio tá com rugas… e o filme do Titanic já fez 11 anos… peeeense num tempo que voa!!!!
    Eu viajei, namorei, casei, separei e to aqui… nos 29!
    Uau!!!!!!!!!!
    Mas beeem concordo com o que vc disse… o Rei é imortal… SE CHOREI OU SE SORRI, O IMPORTANTE É QUE EMOÇÕES EU VIVI!!!!!!!
    Amo vc.

  2. Hilda disse:

    Nossa, Mi… nem me fala, muito triste. Mas depois que o MJ nao duvido de mais nada. Ainda ontem perguntei p meu marido se ele tinha lido alguma noticia sobre o Patrick.
    “O tempo passa, o tempo voa e a poupanca Bamerindus continua numa boa…” Ate essa musiquinha ja deve ter uns 15 anos. rs
    bjs

  3. Luma disse:

    Então! Pior é quando você perde contato com pessoas que fizeram parte da sua infância e quando encontra, encontra também rugas, daí você chega em casa e corre para o espelho, pra ver se também está com rugas!! 😀 Essa coisa de estar ‘conservada’, de se manter jovem não existe – o tempo complica as coisas – Ah, ontem também foi duro dar a notícia da morte do Patrick para a mamã!!

  4. Armindo Guimarães disse:

    É isso, pá!

    Quando o Rei da MPB morrer, aí não vai ser só a Globo. Todos (incluindo quem sempre o ignorou) se vão lembrar dele falando disto e daquilo. E vai haver especiais pra carago em jornais, revistas, TVs, Internet e eu sei lá que mais. Todos vão dizer que o Roberto era um gajo do carago por causa disto e daquilo. Da Jovem Guarda, do Rock brasuca, das expressões “broto”, “mora”, bicho”, etc. Vão até dizer que o Roberto foi um dos maiores embaixadores do Brasil nos quatro cantos do mundo e se que se mais terra houvera lá chegara.

    E vão rolar em tudo quanto é sítio o “Verde e amarelo”, “O meu pequeno Cachoeiro”, a “Amazónia”, “O progresso”, “As baleias”. E eu, se nessa altura for vivo, vou cantar por ele “Quero que vá tudo pro inferno” para aqueles que antes só falavam do Roberto por falar, sem saber o que diziam.

    Abraços robertocarlisticos

  5. coisas da cris disse:

    Nossa amiga… se eu já tava ficando neurótica.. agora tô surtando!!! Tenho pensado muito nestas coisas… Pensa na situação… tensa…
    Estou solteira… sem emprego… morando com a mãe… tá f…. e com quase 29 anos… aiaiaiaiaiaiaiiiiiiiiiiiiiiii…

  6. ferrozindo disse:

    Eu acho que eu surto no dia que a Xuxa morrer. Eu posso ter 40 anos quando isso acontecer, mas vai ser o dia em que eu vou me sentir a pessoa mais idosa da face da Terra!
    Sem contar que ver sua filha com quase 4 anos, conversando pelos cotovelos, criando suas próprias letras de música e querendo mandar na casa não é nenhum elixir da juventude instantâneo *rs.

    beijos

  7. Mrs. disse:

    A Xuxa também faz parte do meu rol imortal… Didi, Xuxa e Roberto Carlos… aí, amiga, o dia que a Xuxa morrer a gente se considera ultrapassada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s