Décimo

Meu décimo dia de trabalho seguido hoje.
A neve continua, misturada com chuva, uma beleza de meleca nas ruas que vocês precisam ver só.
As olheiras ganharam tamanhos fenomenais e as pálpebras pesam mais que as pernas, ou as pernas pesam mais que as pálpebras. Ainda não sei.
Só sei que o que sobrou de mim vai trabalhar hoje, mais uma noite. E os planos pro tão afamado fim de semana? Foram por água abaixo.

1. Não pára de nevar,
2. Eu tô o bagaço da grapefruit (que ainda por cima é azeda),
3. Senhor marido deixou o rádio ligado do carro e a bateria morreu. Estamos esperando uma ressureição.

E até Deus descansou no sétimo dia hein.

Anúncios

2 comentários sobre “Décimo

  1. Anna Clara disse:

    A pior coisa do mundo é aquela laminha de neve marrom. Eu sempre digo que só ama neve quem nunca escorregou numa pocinha daquelas (já me melei muito naquela nada elegante meleca gelada). Força na peruca, darling, a primavera já já dá o ar da graça. 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s